Colcha de Contos da Maré

Sinopse do programa

O programa atravessa diferentes lendas e contos que habitam o Bairro Maré, formado por 16 comunidades no Rio de Janeiro, em uma ficção ambientada nos anos 70 e inspirada em fatos reais e fantásticos. Resultado de pesquisas na comunidade, paisagens sonoras da época e construção coletiva do roteiro, o programa está centrado na história do nascimento do porco com cara de gente. Leia e ouça mais em: <www.colchadecontos.blogspot.com>.

Ficha Técnica do programa:

Narrador e Sargento Bigode: Marcelo Wasem, Chico e Cabo Ferreira: João Batista Henrique, Zuleide: Marilene Nunes, Paloma: Terezinha Normandes, Maria: Marli Damascena.

Pesquisa e execução do projeto: equipe Colcha de Contos formado por André Lanzellotti, João Batista Henrique, Marcelo Wasem, Marcelly Pereira, Marli Damascena, Marilene Nunes, Terezinha Normandes.

Roteiro: João Batista Henrique e equipe Colcha de Contos.

Produção executiva: André Lanzellotti e Marcelo Wasem.

Pesquisa sonora: Marcelly Pereira.

Edição: Gilberto Vianna e Douglas Vieira

Música: Samba “Praça do 18” – Letra e voz: Elaine Sallas. Composição: Elaine Sallas e Marcelo Wasem.

Trilhas Sonoras: Marcelo Wasem.

Anúncios

A Cura

Em 1945, uma comunidade negra floresce na capital gaúcha, fortalecendo laços comunitários e familiares, em um espaço ainda em processo de ocupação. No local, por onde passa hoje uma grande avenida, havia uma pequena vila, onde todos se conheciam e ajudavam, dia após dia. Essa vila recebe em seu seio um alemão, fugitivo da Segunda Guerra Mundial, trazido por um dos moradores, pai do autor. Com a convivência e o trabalho como mestre de obras, o alemão se torna “Seu” Alemão, amigo conhecido na vizinhança. Casa-se com uma negra e tem um filho. Em uma noite, com seu filho doente e sem recursos para chegar ao hospital, “Seu” Alemão presencia o poder de cura das rezas e rituais da comunidade.

“A Cura” é um radioconto baseado no texto, homônimo, de Eugênio da Silva Alencar, o mestre Para-quedas, realizado com recursos do edital Nossa Onda. Produção do Coletivo Rádio Amnésia em Parceria com Afrosul.

DOWNLOAD

Toantes, Búzio e Toré Pankararu

O projeto, realizado pela ONG Thydêwá, conta com patrocínio do Banco do Nordeste do Brasil, através de seu Programa BNB de Cultura permite aos Pankararu terem seu primeiro registro digital contendo uma hora de sua musicalidade tradicional. O coordenador do projeto, Sebastián Gerlic, informa que “o CD foi inteiramente gravado na aldeia e não tem efeitos de masterizado, ele transporta o ouvinte para o clima do ritual tradicional, permitindo a todos apreciar parte das belezas da cultura Pankararu”. O CD foi gravado em setembro de 2010, num ritual realizado com os Praia – Encantos do Povo Pankararu, e conta com quatro puxadores no canto e no maracá: Euclido, Dida, Atia e Francisco.

“Nós Pankararu somos essencialmente musicais. Nossos toantes são o ele entre o passado e o presente, entre o imaginário e o real. Cantamos e dançamos movidos pela fé, a alegria e o prazer. Cantamos agradecendo a vida. Dançamos a felicidade de sermos nós mesmos, os Pankararu!”

Maria Pankararu

Informações detalhadas e contatos em www.indigenasdigitais.org/rojao

As cópias e pinturas nos CDs foram feitos pela Amnésia Discos – Gravadora Livre. A licença utilizada é Creative Commons – atribuição não comercial.

DOWNLOAD

Kariri-Xocó canta Rojão


Contando com o patrocínio do Banco do Nordeste através de seu programa de Cultura, a ONG Thydêwá realizou mais uma parceria com o povo Kariri-Xocó para registrar seus cantos tradicionais de trabalho em forma de mutirão. As roças, as tapas das malocas, muitas das atividades comunitárias dos indígenas são, há muitos tempos, realizadas com cantos; esses cantos se denominam de ROJÃO. O Cd foi integralmente gravado na aldeia indígena dos Kariri-Xocó (Município de Porto Real do Colégio – AL), foi editado, mixado e masterizado sem nenhum tipo de efeitos, contendo nele uma hora de importante registro histórico e cultural, tanto para os próprios indígenas como para a humanidade.

“Os Kariri-Xocó têm sua tradição milenar sagrada nos cantos do Toré. Durante os últimos séculos, os Kariri-Xocó têm feito roças e malocas em regime de mutirão e, para aliviar os esforços dos trabalhos cantam Rojão”.

Nhenety Kariri-Xocó.

O CD registra 1 hora de música, 14 Rojões: CAPIM DA LAGOA; CUIBÁ DA LAGOA; MÃE DA LUA FALA; Ê OI MEU BEZERRO; O MEU PASSARINHO VERDE; OLHA O BALÃO CELINA; SERRA DA BANDEIRA; OLHA A ONÇA; OI PENA; LAGOANA; ÊDCHA Ê; BOI PRETO e ELENA.

Informações detalhadas e contatos em www.indigenasdigitais.org/rojao

As cópias e pinturas nos CDs foram feitos pela Amnésia Discos – Gravadora Livre. A licença utilizada é Creative Commons – atribuição não comercial.

DOWNLOAD

Celebremos Fela!

E vamos por todos lados, seguindo em frente!

RE-tomando!

mumu

Caramba, faz tempo que não posto nada por aqui. Falta de tempo pura, misturada com as distrações comuns da vida…boa parte do tempo investido também em projetos bacanas como o projeto Semussum Brasil.

Enfim, Amnésia Discos de volta, hoje com a alegria de atender ao pedido de muita gente, vão desculpando aí a demora pessoal, estou compensando aí o tempo que levei para postar na íntegra o disco SambaGIA do grupo GIA de Salvador, BA. Nessa edição online tô incluindo uma pérola que é a gravação da guia da música Minha Guia, hehehehehe….

Esse disco foi muito bacana de fazer porque a gente foi descobrindo cada música convivendo mesmo, desde as idas lá aos sambas no pelourinho até cervejadas no quintal que viraram disco. Vários momentos legais como a participação dos músicos Cristiano Figueiró e Tito Fukunaga. E ainda teve a música da kombi!!! Demais né…É um pouco disso que as músicas mostram aí, brincadeira, intimidade e humor. Um samba bom de dançar, bem divertido! Já estamos estudando as chances para um Volume 2, vamo em frente!

RE-tomando as atividades volto depois com notícias sobre novos processos de produção em andamento, Amnésia discos é nóis! voltando a publicar, hehehehe….

downLOAD SambaGIa.Vol.1

O frisson continua!

O CD SambaGIA até hoje rende, muitos pedidos pela internet (ainda não tem o seu?) e agora o grupo se aventura no ramo das artes audiovisuais lançando seu primeiro clipe, o clipe da música Degrau, produzida aqui nos Estúdios Arembadub. Em Abril o grupo participa do Salão de Intervenções Audiovisuais do Recôncavo, que acontecerá na cidade de Cachoeira, BA. Em breve mais informações sobre esse evento aqui no site também.

cds do gia – casadaalegria – arroba – gmail.com

Em breve novidades e transito entre estilos, na sequência experiências com RAP.

Amnésia Discos só lança discos saudáveis, que utilizam softwares livres na sua produção 🙂